7:30 às 11:30 e 13:00 às 17:00    
 (55) 3792 1102/1060


Baner

 

O prefeito Elton Tatto decretou “situação de emergência” na área rural de Pinheirinho do Vale em função da forte estiagem. A seca que se abate sobre o município já está resultando em perdas significativas no setor primário, com fortes impactos nas lavouras, na bacia leiteira e na pecuária. O decreto foi assinado pelo chefe do Executivo Municipal na tarde desta terça-feira, 31.

Entre os prejuízos levantados até o momento, segundo laudo técnico da Emater está: as perdas das safras de milho grão e milho silagem, soja, leite, bergamota e pastagens. Também enfrenta sérios problemas de abastecimento de água para consumo próprio e de animais, as quais o município já vem abastecendo inúmeras famílias no interior, além de problemas de cunho ambiental. A falta de chuvas têm causado inúmeros prejuízos aos agricultores, que amargam pesadas dívidas financeiras.

Considerando que o setor primário é a principal atividade econômica do município, representando 90% da arrecadação, o prejuízo é estimado em aproximadamente de R$ 4 milhões. Só na cultura da soja o prejuízo já é de R$ 1.216.875,00, enquanto que no milho para a silagem as perdas somam quase R$ 1 milhão de reais, números significativos que resultam em danos humanos, materiais econômicos e sociais.

ACESSE O DECRETO